Oracle de briguinha com a Google | Zoom Digital : Reviews de Smartphones, Tutoriais, Notícias

Oracle de briguinha com a Google

Por Joatan Fontoura
Categoria: Destaques
ago 15th, 2010
0 Comentários
674 Views

Acho que foi no meu blog pessoal que escrevi ou no Twitter, mas, se no mundo da informática patentes fossem o mesmo tipo de patente que tem na casa da minha bizavó, os CEO`s das grandes empresas estavam fund…ops, encrencados quando elas quebrassem.

E agora, para a nossa surpresa, a Oracle está acusando a Google da quebra de várias patentes referentes ao Copyright do Java na utilização do  sistema operacional Android.

Além de acusar a Google de quebrar as mesmas, comenta ainda que os próprios usuários podem fazer isso, assim como os fabricantes também.

Bom, vamos dar uma de tia quando vai no salão de beleza, e fofocar um pouco…

Na graduação eu tenho um professor que trabalha a alguns anos na Oracle. Ou melhor dizendo, ele está lá desde o tempo da Sun.

Trabalhou algum tempo na Terra do Tio Sam (EUA), em uma empresinha chamada Netscape (conhecem?) na época do “bug do milênio”, e hoje trabalha aqui no Brasil, prestando suporte remoto para grandes empresas de lá.

Na última sexta-feira, quando a notícia sobre as patentes surgiu, tinhamos aula com ele, e o mesmo, comentou que o atual CEO da Google, Eric Schmidt, o qual, também já foi CEO da Sun, sabia dessas “quebras de patentes”. Mas, como tinha ainda “laços de amizade” na antiga empresa, deixou. Porém, com a transição dos negócios devido a compra da Sun pela Oracle as coisas mudaram.

Aquela empresa boazinha que deu vida ao Java já eras. Sua nova gestão está começando a aparecer…e os resultados também.

Parece que a Google ainda não se pronunciou quanto as patentes quebradas.

E agora, Eric?

Fonte: além do meu professor, Meio Bit

About "" Has 381 Posts

Estudante de tecnologias. Trabalha na área de TI, adora todo o tipo de gadgets e nas horas vagas tenta ser twitteiro e blogueiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *