CCE agora é Lenovo | Zoom Digital : Reviews de Smartphones, Tutoriais, Notícias

CCE agora é Lenovo

Por Joatan Fontoura
Categoria: Diversos
set 9th, 2012
0 Comentários
970 Views

Na semana passada os chinenes da Lenovo anunciaram a aquisição da brasileira Digibrás Participações, detentora da marca CCE, por cerca de R$ 300 milhões de reais, valor esse que ainda está sujeito a reajuste, podendo variar. Diante da aquisição, a empresa pretende competir pela liderança do mercado de PCs no Brasil, concorrendo com marcas populares como a HP, e a líder do segmento no país, a Positivo.

A Lenovo é a segunda maior fabricante de PCs no mundo, possuindo pouco mais de 13% do mercado, perdendo apenas para a HP com 17,2% de participação, segundo estimativas de 2011. Diante da aquisição da companhia brasileira, fundada em 1964, a Lenovo passa a administrar também as sete fábricas no polo industrial de Manaus e em São Paulo, promovendo empregos para mais de 6 mil funcionários e possuindo um faturamento anual de R$ 1.6 bilhões (2011). No ano passado a CCE produziu no país mais de 774 mil unidades de PCs e as expectativas para esse ano são de 887 mil unidades. A Lenovo e a CCE juntas passam a deter cerca de 7% do mercado de PCs no Brasil, fazendo assim com que a chinesa possa avançar do sétimo lugar no ranking nacional para a terceira posição. Segundo executivos da Lenovo, devido a fusão, a meta é nos próximos três anos atingir o primeiro lugar no mercado, passando a Positivo que leva 15% dessa fatia.

Perante o acordo de compra, a Lenovo pretende realizar o pagamento de 75% do valor em dinheiro, deixando o restante por conta da transferência de ações da companhia, o que move 0,46% do capital acionário da empresa.

A Lenovo afirmou que o quadro administrativo da CCE será mantido, inclusive o próprio fundador e presidente da divisão, Roberto Sverner. A chinesa ainda comenta que não ocorrerão cortes ou demissões, pois diante da expansão de mercado, não existe necessidade financeira para isso. A companhia também esclareceu que nos próximos meses também não devem ocorrer mudanças drásticas no mercado, e os consumidores ainda vão encontrar nas lojas eletrônicos das duas marcas.

Devido a aquisição, a Lenovo passa a deter o mercado brasileiros de TVs e outros eletrônicos também, antes fabricados pela CCE. Dessa forma, a empresa passa a expandir sua gama de produtos, além do mercado de PCs no país, partindo para a produção de mais modelos de tablets, smartphones e TVs.

Não é tão recente o interesse da Lenovo na Digibrás, pois segundo fontes, já haviam negociações desde os primeiros meses do ano, sem contar o interesse da companhia chinesa na aquisição da Positivo ainda em 2008, o que ressalta que o desejo da empresa em abocanhar uma fatia maior do mercado brasileiro já era antigo.

Fonte: Baguete, G1 Tecnologia, Terra Tecnologia e Valor Econômico

About "" Has 381 Posts

Estudante de tecnologias. Trabalha na área de TI, adora todo o tipo de gadgets e nas horas vagas tenta ser twitteiro e blogueiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *