The inside experience | Zoom Digital : Reviews de Smartphones, Tutoriais, Notícias

The inside experience

Por zoomdigital
Categoria: Cinema
jul 30th, 2011
4 Comments
914 Views

 

A tecnologia tem evoluído muito rapidamente e, com ela, a interação entre pessoas à distância tem se tornado cada dia mais fácil. Com as novas ideias, recursos tecnológicos e, principalmente, as facilidades da internet o futuro dos filmes, dos programas de TV e outros formas de comunicação que antes eram canais de apenas uma via, ou seja, apenas podíamos assistir ou ouvir, mas não podíamos interagir nem responder, está mudando. Já existem inclusive TVs e programas interativos. Além disso, na maioria dos programas de auditório transmitidos ao vivo já é possível mandar um e-mail, deixar uma pergunta no twitter ou em alguma outra rede social e o entrevistado responde na hora.
Pensando em tudo isso, as empresas Intel e Toshiba lançaram um projeto totalmente inovador, uma espécie de filme que tem uma participação ativa do espectador. Dirigido por DJ Caruso e estrelado por Emmy Rossum, o enredo gira em torno de Christina Perasso, uma jovem presa dentro de uma sala sem saber como veio parar ali muito menos onde está, mas acaba descobrindo um laptop com conexão à internet. Nesse momento, ela entra em suas redes sociais para procurar ajuda. É nesse ponto que nós entramos, é possível seguir Christina no twitter, mandar recados para ela no Facebook e, se souber atuar bem, até aparecer no filme. Com isso, é possível alterar o enredo e inclusive decidir o final da história.
Para que tudo isso seja possível, são publicados episódios curtos no Youtube e, a partir desses episódios, ocorre a participação dos internautas. O primeiro episódio foi lançado no dia 25 de julho, por isso ainda é possível acompanhar todos os passos da história. Além dos episódios com cenas do filme, há também gravações da webcam da personagem, tudo para dar uma ideia intensa de realidade. O único detalhe que talvez seja inconveniente para muitos brasileiros é que toda a interação acontece em inglês, já que a maioria dos vídeos são publicados como se fosse em tempo real. E como poderia existir uma interação em idiomas diferentes? Isso realmente não seria adequado. Contudo, para quem sabe pelo menos o básico do inglês, é um ótimo momento para praticar, a personagem não fala muitos nos episódios e não é muito difícil de entender.
Por fim, podemos dizer que é uma ideia inovadora e muito interessante, tomara que dê certo e possa ser apenas o começo de uma série de filmes interativos.
Para quem tiver interesse em conhecer o projeto ou interagir com o filme, basta entrar no site oficial The inside experience. Nele você pode saber todos os detalhes, acompanhar o filme e interagir com ele a partir dos links para seguir a personagem no twitter, no Facebook e também dos vídeos postados no Youtube.

About "" Has 314 Posts

O Zoom Digital é um portal de tecnologia criado em 2008 e a 6 anos no mercado se consolidou como um dos maiores portais de tecnologia brasileiro.

4 Responses to “The inside experience”

  1. Fernando disse:

    Muito boa a ideia de poder interagir com o filme. Nos dá a impressão de que estamos dentro dele, dá até para imaginar que é algo real.

    Com a facilidade de comunicação que as redes sociais nos proporcionam hoje em dia, isso finalmente pôde ser feito e difundido facilmente.

    Este é um assunto muito interessante e que ainda pode evoluir muito.

    Muito bom o post Pri. Parabéns.

    • Fala Fernando!

      Rapaz, com certeza a ideia é ótima!

      Esse projeto me fez cair em tempos nostálgicos, quando eu era criança ainda…
      Vocês lembram de um programa que passava na Globo no decorrer da década de 1990, chamado Você Decide?
      Acho que era nas quintas-feiras a noite a transmissão do mesmo.
      Lembro que o programa sempre contava uma história, e no fim, eram apresentados três finais diferentes, sendo que os telespectadores poderiam escolher por telefone qual deles queriam assistir, consequentemente optando por um fim diferente para a história.

      Talvez casos assim (pois com certeza existem outros, assim como a Priscila comentou) podem ser considerados o início da interação entre público e personagens.

      Cara, obrigado pelo comentário!
      Esperamos te ver mais por aqui!

      Abraços!

  2. Olá Pri!

    Poxa, parabéns pela postagem!
    Muito interessante o assunto…

    Mais uma vez conseguimos perceber o prova do tão comentado "poder das redes sociais".
    Claro que a ideia desse projeto é uma interação induzida, diferente do feedback que possíveis clientes possam passar após a compra de um produto, pelas redes sociais, por exemplo.

    É bom que empresas como a Intel e Toshiba realizem iniciativas assim…

    De fato, é inovador!

    Obrigado pela postagem, Pri!

    Abraços!

  3. zoomdigital disse:

    Quanto tempo pri..

    Bem vinda de volta hahah.. Espero que nao nos abandone mais..

    Parabéns pela postagem!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *