O fim do domínio de CDs e DVDs | Zoom Digital : Reviews de Smartphones, Tutoriais, Notícias

O fim do domínio de CDs e DVDs

Por Philipe Cardoso
Categoria: Tecnologia
abr 3rd, 2009
1 Comentário
199 Views

pen

A preços acessíveis o dispositivo ganha mercado e oferece maior capacidade de armazenamento.

É o fim da predominância de CDs e DVDs.

Vamos recordar. Pois recordar é viver. Abaixo eu fiz uma lista cronológica das tecnologias móveis de armazenamento de dados. Com excessão do discos de 5¼ e do carríssimo Zip Drive é provável que você, assim como eu, já tenha utilizado todas estas formas para transportar e armazenar informações.

Discos de 5¼ – Produzidos em versões de 720 kilobytes e 1,2 megabytes, eu pessoalmente nunca vi um em funcionamento. Pessoas dez ou cinco anos mais velhas do que eu utilizaram muito desta tecnologia, substituída  a partir de 1984 pelos discos de 3½ polegadas.

Discos de 3½ – O disco perdeu dimensões e ganhou espaço para as informações; com 3½ polegadas e 1,44 megabytes de espaço era o suficiente para armazenar documentos, textos, imagens.

Zip drive – 100 MB, 250 MB ou 750 permitiram o armazenamento de bastante informação, mas suas dimensões dificultaram o seu sucesso. Introduzido no mercado pela Iomega.

CD-Rom – Mais baratos que o disco Zip em questão de mídias e também em questões de equipamentos para gravação e com capacidade de armazenamento de até 700 MB ainda não saíram do mercado, mas cada vez mais tem perdido popularidade, sendo substituídos pelo DVD ou pelo Pen Drive.

DVD-Rom – 4,3 gigabytes de espaço, é fácil armazenar um filme ou toda a discografia de uma banda. Existem versões que permitem até 8,5 gibagytes utilizando um processo de gravação em duas camadas, mas que não é tão popular ainda.

Pen drive – De até 64 gigabytes, a tecnogia destes dispositivos se apresenta como uma excelente alternativa para a substituição dos tão utilizados discos rígidos por não possuírem partes mecânicas e serem menos suscetíveis a erros.

Pen drive é até brinde!

Eles já substituíram e revolucionaram a forma de armazenamento de dados. São distribuídos como brindes para as pessoas que entram em cursos ou contratam serviços de determinadas empresas. Também são distribuídos em feiras e eventos.

É material escolar obrigatório em determinadas localidades. Ficou barato e caiu no gosto do povo. É fácil ver pessoas conectando seus dispositivos em Lan Houses e Cybers Cafés. Inclusive existem muitas pessoas que mesmo não possuindo microcomputador possuem um pen drive.

Um pen drive também foi peça importante na novela Negócio da China, de Miguel Falabela, que recentemente saiu do ar na Rede Globo.

Unidades de Estado Sólido ( Solid State Drives, ou SSDs )

As memórias Flash podem ser utilizadas para a criação de SSDs. A Wikipédia lista algumas das vantagens dos SSDs:

  1. tempo de acesso reduzido, uma vez que o acesso à memória RAM é muito menor do que o tempo de acesso a meios magnéticos (como os HDs e fitas LTO) ou ópticos (discos como CDs e DVDs). Outros meios de armazenamento sólidos podem ter características diferentes;
  2. eliminação de partes móveis eletro-mecânicas, o que reduz vibrações e os torna completamente silenciosos.
  3. por não possuírem partes móveis são muito mais resistentes que os HDs comuns, contra choques mecânicos, o que é extremamente importante quando se fala em computadores portáteis.
  4. menor peso em relação aos discos rígidos, mesmo os mais portáteis.
  5. consumo reduzido de energia.
  6. possibilidade de trabalhar em temperaturas maiores que os HDs comuns – cerca de 70ºC.
  7. banda muito superior aos demais dispositivos, com dispositivos apresentando 250MB/s na gravação e até 700MB/s nas operações de leitura

As Unidades de Estado Sólido já estão substituindo os HDs tradicionais, a princípio nos notebooks devido à esta diferença de preço, estão atualmente restritos as notebooks ultraportáteis onde suas vantagens são melhor aproveitadas.

É isso ae. Cuidem com carinho do aparelho que armazena a informação. Em breve o domínio dos Flash Drives estará ameaçado. Qual será a nova tecnologia que vamos vivenciar?

About "" Has 2042 Posts

23 anos, Carioca, Criador do Portal Zoom Digital, mantém desde a epoca que possuia formato de blog, Podcaster oficial do Zoom Cast. Amante por todo tipo de tecnologia e formado como técnico de informática.

One Response to “O fim do domínio de CDs e DVDs”

  1. Bruna disse:

    Adoreiiiii !!!!! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *