Foxconn e seus menores de idade trabalhando | Zoom Digital : Reviews de Smartphones, Tutoriais, Notícias

Foxconn e seus menores de idade trabalhando

Por Joatan Fontoura
Categoria: Hardware
out 17th, 2012
0 Comentários
815 Views

Não é de hoje que a Foxconn demonstra envolvimento em escândalos trabalhistas. Muito já foi falado quanto as condições que a terceirizada responsável pela montagem de produtos da Apple oferece aos seus trabalhadores, o que por sinal, não são poucos, passando da casa de 1 milhão, concentrando a grande maioria nas suas linhas de montagem na China.

A gafe da vez está relacionado ao fato da própria empresa ter afirmando que encontrou jovens de 14 anos trabalhando em suas linhas de produção, sendo que a idade mínima para trabalhar legalmente na China é 16 anos. A descoberta ocorreu durante uma visita do grupo de direitos trabalhistas China Labor Watch na companhia. Logo após a revelação, a empresa procedeu com o seguinte comunidado “reconhecemos que temos total responsabilidade por este problema na nossa empresa e nos desculpamos para cada um dos estudantes por conta do que causamos a eles”, acrescentando ainda “qualquer funcionário que for pego violando as normas da empresa e das leis do país será demitido”.

Segundo fontes, a empresa possui um plano de estágio, no qual estudantes podem trabalhar legalmente durante um período de três à seis meses, contudo, mesmo assim é necessário respeitar a regra da idade mínima. Apesar da empresa ter “tomado as dores” sozinha no pronunciamento, o que não deixa de estar correto, considerando que existe um vínculo entre empresa e instituição de ensino, a escola também deveria assumir parte da culpa, até porque, considerando que foi um erro liberar os adolescentes para o estágio, a escola é quem deveria ter filtrado antes de tudo.

Fonte: G1 Tecnologia e Terra Tecnologia

About "" Has 381 Posts

Estudante de tecnologias. Trabalha na área de TI, adora todo o tipo de gadgets e nas horas vagas tenta ser twitteiro e blogueiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *