Joatan Fontoura Estudante de tecnologias. Trabalha na área de TI, adora todo o tipo de gadgets e nas horas vagas tenta ser twitteiro e blogueiro.

Dart, a nova linguagem de programação da Google

43 sec read

Não é a primeira vez que a Google coloca seu time de engenheiros desenvolvedores para cirar sua própria linguagem de programação. Pois, no fim de 2009 sairam com uma tal de Go.

Agora, mais ou menos na mesma época, só que nesse ano, foi anunciado a Dart, uma linguagem de programação que promete ser compatível com o desenvolvimento web, afinal, isso é uma tendência, não?

Segundo a própria Google, a Dart é considerada uma linguagem para desenvolvimento web estruturada e flexível, sendo bastante completa, acrescentando que a mesma poderia servir como estrutura para o desenvolvimento do serviço Google Docs ou mesmo do Gmail, os quais, receberam a aplicação de HTML juntamente com Javascript para a sua conclusão.

Admitindo que a Dart ainda está em estágio inicial de análise e implementação, já é possível definir duas formas para interpretação dos códigos, sendo através de uma máquina virtual ou uma espécie de tradutor que transforma o código Dart em Javascript.

É a Google mais uma vez na bringa pelo seu processo de domínio do poder computacional. Afinal, alguém precisa “tomar a frente”.

Fonte: Tectudo e TargetHD

Joatan Fontoura Estudante de tecnologias. Trabalha na área de TI, adora todo o tipo de gadgets e nas horas vagas tenta ser twitteiro e blogueiro.

Produtos eróticos ganham espaço em feira de tecnologia

Depois que um massageador pessoal (Osé) foi banido da CES 2019, alguns brinquedos sexuais tecnológicos conquistaram lugar ao sol na edição 2020. Mas como...
Philipe Cardoso
2 min read

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *