União do útil ao agradável – SSD na DDR3
28/08/2010
O Twitter lançará hoje o “OAuth 2”, visando aumentar a segurança para os usuários
31/08/2010

A informática é uma área que evolui de forma tão rápida que o que foi atual ontem pode não ser hoje. Esse é exatamente  caso do PowerPC. De sobra.

Para quem não sabe, PowerPC é uma arquitetura de processadores criada pela parceria Apple – IBM – Motorola. Iniciada em 1992, ela sobreviveu até os dias de hoje.

powerpc

Finalmente, chegou o seu fim, ainda não totalmente. Depois da Mozilla anunciar que o Firefox 4 não terá suporte ao PowerPC, hoje foi a Opera que cravou mais um punhal nas costas de quem ainda usa  esse processador.

Essa atitude da Opera Software e da Mozilla devem ser seguidos por outras empresas. O objetivo disso é simplesmente evolução. Não dá para ficar pensando em coisas velhas já que muito tempo se passou e o número de uso é cada vez menor.

Enfim, o PowerPC já está com os dias contados. Quem vai jogar a última pá de terra?

Philipe Cardoso
Philipe Cardoso
28 anos, Advogado, Carioca, Criador do Portal Zoom Digital, mantém desde a epoca que possuía formato de blog, Podcaster oficial do Zoom Cast. Amante por todo tipo de tecnologia.

1 Comentário

  1. Lucas Reda disse:

    Legal!! Eu acho que devia ser assim também com o IE6 que depois do lançamento de 2 versões ainda existe uma grande leva de usuários usando. Os web designers se preocupam muito com o IE6 da mesma forma que estas empresas não querem mais usar coisas como o PowerPC que durante um bom tempo foi a revolução mais hoje é só mais um processador velho e barato! parabéns pelo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *