Bomba da Gigante Linux | Zoom Digital : Reviews de Smartphones, Tutoriais, Notícias

Bomba da Gigante Linux

Por Philipe Cardoso
Categoria: Linux
jul 20th, 2011
4 Comments
1462 Views

Um ranking publicado no site LWN.netM mostra que as 343 mudanças feita no Linux foram sugeridas pelo desenvolvedor K. Y. Srinivasan da Microsoft, sendo que foi com essa ajuda da que o Linux conseguiu ficar no topo da lista, junto com outros colaboradores como a gigante Intel e a Red Hat.

Contando o número de linhas de código alteradas, a Microsoft e seus desenvolvedores ficam no fim da lista de colaboradores. A Microsoft foi responsável por mudanças em 11.564 linhas.

Como podemos ver, o Linux precisou de assistência para crescer, sendo interessante como a Microsoft está em todas.

Fonte : http://www.h-online.com/open/news/item/Microsoft-contributes-a-lot-of-changes-to-Linux-kernel-3-0-1280528.html

About "" Has 2042 Posts

23 anos, Carioca, Criador do Portal Zoom Digital, mantém desde a epoca que possuia formato de blog, Podcaster oficial do Zoom Cast. Amante por todo tipo de tecnologia e formado como técnico de informática.

4 Responses to “Bomba da Gigante Linux”

  1. ruyacquaviva disse:

    Em primeiro há de se considerar que cada alteraçãozinha foi considerada uma modificação, então o número parece inflado, maior do que é. E mesmo que fosse muito grande, por exemplo "361 novos recursos para o Linux" (citam 343 alterações pelo Srinivasan, 361 no total pela MS), não faria tanto sentido: não são recursos para melhorar o Linux de modo geral, mas sim um produto da própria MS.

    O que muitos não entendem é que as alterações que ela propôs, e/ou fez por meio de seu funcionário K. Y. Srinivasan, são insignificantes para o uso do Linux fora do mundo Windows.

    O que ela faz é melhorar o código dos drivers virtuais do Hyper-V – sistema de virtualização do Windows Server, que poderia ser comparado com o VMware, Xen, KVM, etc. Aparentemente entram aí melhorias para o Kinect também, este de longe o que mais pode beneficiar os usuários do Linux.

    Esses drivers deixam o Linux rodando melhor, com mais desempenho e/ou funcionalidades, num servidor virtual gerenciado pelo Windows Server. Só isso. A Microsoft não está ajudando o X, não está ajudando o KDE nem o GNOME, nada disso. Muito menos o Wine 😛

    • Fala meu nobre!

      Ótima lembrança!
      Por mais que as vezes nos deixamos errar, parece mesmo que a empresa fundada pelo tio Bill não está se importando com os demais a sua volta, mas sim pensando no seu produto.

      Afinal, é a lei do mercado, não?

      Obrigado pelo comentário!

      Abraços!

  2. Fala Alisson!

    Cara, interessante a tua postagem, e podemos considerar o comentário do amigo acima construtivo, não?

    Ah, bem lembrado por publicar a fonte dessa vez, porém você deve cuidar para postar o nome do site como link e não toda a URL, considerando que o site citado é o "The H". Fica mais "limpo" visualmente dessa forma, beleza?

    Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *